Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

A temperatura da água.

Os fatores ambientais afetam a pesca desportiva. Neste artigo falamos de como a temperatura da água afeta a atividade dos peixes e em consequência a possibilidade de efetuar uma boa pescaria.

De um modo geral, a temperatura provoca que o nível de atividade dos peixes aumente e diminuía e inclusive que certas espécies evitem certas zonas e mudem para outros lugares. Também afeta o comportamento dos peixes no momento da alimentação e da reprodução.
É importante ter o conhecimento de como a temperatura afeta os hábitos dos peixes.
A maioria das espécies são de sangue frio, significa que não são capazes de controlar a temperatura interna do seu corpo, logo, o seu metabolismo é muito afetado pela temperatura da água.

Devido à sua natureza de sangue frio, os peixes necessitam de permanecer na sua zona de conforto, que é a zona onde a temperatura é a adequada ao seu metabolismo. Deve-se acrescentar que a mudança de temperatura da água é geralmente muito lenta e por sua vez, a mudança de zona dos peixes é geralmente muito lenta. Como consequência é muito raro os peixes serem capturados fora da sua zona de conforto.



Fatores que afetam a temperatura
Um dos fatores que mais afeta a temperatura da água é a profundidade. Dado que o calor é adquirido exclusivamente do sol, a água tende a ser mais quente à superfície e fica mais fria quanto mais fundo se está. Devido à influência da temperatura, os peixes concentram-se principalmente na temperatura de superfície.


Mas como realmente afeta o peixe?

A resposta é fácil, mais calor, mais energia, mais atividade. Menos calor, menos energia, menos atividade. Em temperaturas mais altas o metabolismo dos peixes acelera, a sua respiração acelera, aumenta o movimento e a sua necessidade de se alimentar e a ingestão de calorias. Em contraste com a baixa temperatura tende a ser peixe apático assim reduz a necessidade de comer.
Então, como uma regra geral, quanto menor for a temperatura, menor é a probabilidade de fazer grandes capturas.

Outras apreciações
Tenha em mente que existem outros fatores que ajudam a mudar a temperatura da água. Por exemplo, as correntes marítimas permitem que as águas de diferentes temperaturas permaneçam perto uma das outras. Em lugares onde isso acontece geralmente há grande atividade de pesca. Essas áreas são chamadas de frentes oceânicas e ajudam muito na criação de plâncton, este encontra-se na base da cadeia alimentar dos ecossistemas aquáticos, uma vez que serve de alimentação a organismos maiores. O que atrai os peixes que se alimentam de plâncton e seus predadores.

É normal em muitos pescadores de pesca embarcada consultarem imagens de satélite que indiquem a temperaturas da água do oceano para encontrar áreas onde a temperatura da água é ideal para pescar antes de deixar o cais. Mesmo quando a temperatura da água não é a ideal, ainda é possível encontrar peixes. Algumas espécies de peixes podem tolerar temperaturas de água que são muito quentes ou muito frias, tornando-se inativos. De todos os fatores naturais para encontrar peixes, a temperatura da água é provavelmente o mais importante.

Bem, espero que este artigo sirva para lançar alguma luz sobre pesca desportiva e como devemos olhar para os fatores ambientais para saber como e quando deve pescar.

Comentários

comentários

Deixar comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *